Os limites do sucursalismo

“(…) Primeiro ponto, as soluções duradouras não começam nem acabam com militares. Por exemplo, e como destacou ontem o Financial Times, o facto de a Bélgica ser (com a excepção da Grécia) o país na União Europeia em que a diferença entre nacionais e imigrantes quanto ao risco de cair na pobreza é maior constitui um alerta demasiado vermelho para ser ignorado. Como disse também ontem numa entrevista à RTP3 o Ministro dos Negócios Estrangeiros Augusto Santos Silva, o combate ao terrorismo deve envolver todos os sectores, desde a justiça e a polícia até à intervenção social e cultural nas ruas e nos bairros.

Segundo ponto. Saber que o “sucursalismo” sai caro também e tem implicações para Portugal. Por exemplo, Portugal ter um sector financeiro que se arrisca a ser uma sucursal do capital espanhol é um risco demasiado desequilibrante e com consequências demasiado perenes para ser ignorado. Por isso mostra-se Passos Coelho alheado quando condena a “interferência” em negócios que respeitam a privados. Pelo contrário, o que seguramente fez durante quatro anos foi deixar os privados, nacionais e estrangeiros, interferirem nos negócios do Estado. Tem razão o actual Presidente da República ao cortar com essa conversa oca e considerar “natural” a intervenção do governo na banca. É que o sistema financeiro não é um fim em si mesmo, também tem “externalidades” que podem ser muito negativas (como, aliás, se tem visto) para a estabilidade do Estado de Direito. E, tanto em Portugal como na Europa, ainda é o Estado de Direito que nos distingue da Idade Média.”

Sandro Mendonça, no Expresso online

Anúncios
Explore posts in the same categories: Política

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


%d bloggers like this: